II Encontro Municipal de Agricultura Urbana (25/06)

13413760_633806056783576_5259929257119592703_n

Local: Departamento de Arquitetura e Urbanismo UFSC
Data: 25 de junho – sábado
Horário: 08:00 às 18:00 hs

~~INSCRIÇÕES~~
[ http://goo.gl/forms/J6yLkcdGHSRc9RdS2 ]
PREENCHER O FORMULÁRIO ONLINE!

08:00 as 9:00 Credenciamento

09:00 as 11:00 Oficinas

1 – Uso correto de plantas medicinais: Ambientalista Alésio dos Passos Santos [sala 1]
2 – Minhocário: Gilberto/Floram
3 –Compostagem: Marquito/Cepagro e Revolução dos Baldinhos
4 – Adubo Verde/Leguminosas: Andre/Cepagro
5 – Produção de Mudas: Ícaro e Karina/Cepagro
6 – Aquaponia: Vera Lucia e Leonardo
7 – Mapeamento e QGIS: Júlia/LABURB/UFSC [sala 2]
8 – Canteiros e espiral de ervas: Letícia/Quintais de Floripa
9 – Zeladores Permaculturais: Gustavo/Quintais de Floripa, Marcelo /Neperma, Eduardo/Destino Certo, Cepagro e Çaracura[sala 3]

11:00 as 11:30 Cerimônia de abertura [UFSC, Prefeitura, CEPAGRO, Quintais de Floripa] [auditório]

11:30 as 13:00 Almoço

13:00 as 14:00 Grupos de Conversas – Carta de Florianópolis [sala 4]

14:00 as 15:15 Painel I – Processos de Certificação para Produção de base agroecologia e orgânica MAPA e Agricultor Anderson
Mediador: Graziela Del Monaco(UFSC) e Cepagro
15:15 as 15:30 Intervalo

15:30 as 17:00 Painel II – Espaços para Agricultura no Planejamento Urbano [sala]
Mediador: Marcos José de Abreu (Marquito) (Cepagro) e Soraya Nor (UFSC)

Plano Diretor contemplando a Agricultura Urbana – IPUF/FLORAM
IPTU Verde – Companhia Melhoramentos da Capital – COMCAP
Desenvolvimento comunitário a partir da Agricultura Urbana – Projeto de Horta Comunitária no Maciço do Morro da Cruz – Secretaria Municipal de Habitação e Saneamento Ambiental .

17:00 as 17:30 Apresentação da Rede de Agricultura Urbana

17:30 as 18:00 Elaboração da Carta, com formalização das intenções de Florianópolis

18:00 Confraternização e trocas de sementes e mudas

De Dentro da Tempestade – Comunicado do EZLN (México)

Tradução: FARJ

Original: http://enlacezapatista.ezln.org.mx/2016/06/20/desde-la-tempestad/

Comunicado Conjunto do Congresso Nacional Indígena e o EZLN sobre o covarde ataque policial contra a Coordenação Nacional de Trabalhadores da Educação e a comunidade indígena de Nochixtlán, Oaxaca.

20 de junho de 2016

Ao Povo do México.
Aos povos do Mundo:

Diante do covarde ataque repressivo que sofreram os professores, professoras e a comunidade em Nochixtlán, Oaxaca, com o qual o Estdo Mexicano nos lembra que isso é uma guerra contra todos e todas, os povos, nações e tribos que integram o Congresso Nacional Indígena e o Exército Zapatista de Libertação Nacional dizemos aos educadores que não estão sozinhos, que sabemos a razão e a verdade estão do seu lado, que a dignidade coletiva com a qual fazem sua resistência é inquebrável e esse é a principal arma dos de baixo que somos.

Repudiamos a escalada repressiva com a qual pretendem impor em todo o país a reforma neoliberal capitalista a qual chamam “educadora”, principalmente nos estados de Oaxaca, Chiapas, Guerrero e Michoacán. Com ameaças, perseguições, golpes, prisões injustas e agora assassinatos querem dobrar a dignidade dos educadores em rebeldia.

Chamamos a nossos povos e à sociedade civil em geral para estar com os educadores que resistem em todos os momentos, para nos reconhecermos neles, pois a violência para retirada de direitos trabalhistas básicos com o propósito de privatizar a educação é um reflexo da violência com a qual estão destruindo os povos originários, os povos camponeses e urbanos.

Aqueles que se regojizam no poder decidiram que a educação, a saúde, os territórios indígenas e camponeses e, inclusive a paz e segurança, são uma mercadoria para quem pode pagar, que os direitos não são direitos, mas produtos e serviços que se queimam, jogam fora, destróem e negociam de acordo com o que diz o grande capital. E pretendem impor esta aberração de maneira sangrenta; assassinando e sumindo com noss@s companheir@s, enviando a prisões de segurança máxima noss@s porta-vozes, fazendo da tortura descarada a mercadologia governamental e, com ajuda dos meios de comunicação pagos, criminalizando o mais valioso da sociedade mexicana, aqueles que lutam, que não se rendem, que não se vendem e que não desistem.

Exigimos o cessar da repressão contra os educadores em luta e a libertação imediata e incondicional de TODOS os presos políticos.

Convidamos a todos os povos do campo e das cidades a estarem atentos e solidários com a luta dos educadores, a organizarmos de forma autônoma para estarmos informados e alertas diante desta tormenta que cai sobre todos e todas, sabendo que uma tormenta, além de tempestade e caos, também faz fértil a terra da onde nasce sempre um mundo novo.

Das montanhas, campos, vales, desfiladeiros e bairros dos povos, nações e tribos originárias de México.

¡Nunca mais um México Sem Nós!

Congresso Nacional Indígena.
Exército Zapatista de Libertação Nacional

XIII Feira da Mandioca de Imbituba – 24, 25 e 26 de junho

13516312_892009214259708_5632973721733267762_n

Nesse fim de semana (24, 25 e 26.6) vai acontecer a Feira da Mandioca, organizada pela comunidade tradicional dos Areais da Ribanceira.

Convidamos a todas e todos que venham prestigiar o evento e se inteirar do processo de luta e resistência dessa comunidade, que passa por um momento crucial e requer mais forças e apoio do que nunca!

Vamos juntas solidarizar com a Luta pela Terra nos Areais da Ribanceira!

Terra é de quem plantar!
A luta continua, porque a vitória é certa!

Chamado da Organização do Evento:

Realizar um evento como a Feira da Mandioca de Imbituba é sempre um desafio, principalmente para uma entidade como a ACORDI – Associação Comunitária Rural de Imbituba, que conta com poucos recursos. Mas, tem muita criatividade e força para resolver seus problemas. Neste sentido, a XIII Feira da Mandioca de Imbituba, vem recheada de informações, alegria e muita descontração.

Nesta edição, iremos promover discussões sobre aspectos que envolvem a reforma agrária e as comunidades tradicionais, como também trataremos de questões ligadas a reciclagem de nutrientes (compostagem de resíduos). Para isso, organizamos palestras e iremos exibir documentários.

Iniciaremos o evento com Missa Campal, em agradecimento a vida que se renova a cada semeadura e também aos 14 anos de existência da ACORDI. Durante o evento teremos fogueira, apresentações de grupos folclóricos, shows, brncadeiras e exposições de artesanatos. Além, da nossa gastronomia típica, temperada pelas mulheres da ACORDI, que poderá ser apreciada pelos participantes do evento.

Participe da Feira da Mandioca e ajude a transformar o mundo em que vivemos.

Endereço: Barracão da ACORDI – Associação Comunitária Rural de Imbituba, Rua Ailton Floriano, Areais da Ribanceira – Vila Esperança – Imbituba/SC

Comunidade do bairro saco grande discute o plano diretor (20/06)

Via Conselho dos Moradores do Saco Grande – Comosg

Na noite de ontem iniciamos a oficina do Plano Diretor na nossa região. Contamos com expressiva participação, e por isso agradecemos a todos, que sempre se fazem presentes nos momentos importantes para nossa comunidade!!! Atenção, não esqueçam que amanhã (22/06), no mesmo local, às 19 horas finalizaremos nossos trabalhos!!!! Até lá!!!

13445511_527246257461179_7950395030868270523_n 13507125_527246260794512_387096111841568579_n (1) 13466347_527246264127845_7778263039029774862_n (2)